Conseguir contratar um bom contador ou bom escritório de contabilidade não é fácil. Este profissional é uma peça fundamental para qualquer empresa, seja ela de pequeno, médio ou grande porte, e contratar um contador é um dos primeiros passos que o empreendedor precisa tomar. Dependendo da escolha, esse profissional pode eliminar todas as suas dores de cabeça e contribuir para o desenvolvimento do seu negócio — ou, pelo contrário, pode frustrar essas expectativas e trazer problemas ainda maiores à sua organização.

Embora existam excelentes profissionais no mercado de contabilidade, nem sempre encontrar bons contadores é uma tarefa fácil, afinal, isso requer tempo e muito conhecimento sobre a área. Portanto, para ajudar você a entender melhor esse mercado e tomar uma decisão que traga bons frutos para o seu empreendimento, desenvolvemos esse guia com as principais perguntas que você deve fazer antes de contratar um contador.

Quanto ele conhece o meu mercado?

Não importa quão bom seja um profissional de contabilidade de maneira geral: ele precisa estar alinhado com a expectativa de crescimento do seu negócio, além de conhecer o seu mercado, saber como funciona o setor em que sua empresa atua e quais as peculiaridades que ele irá enfrentar no dia a dia.

Atualmente, o papel de um contador dentro de uma empresa no modelo startup, que é bastante conhecida por manter uma equipe enxuta, vai muito além de simplesmente fazer cálculos e apresentar a situação financeira da organização.

Esse profissional acaba se tornando o principal responsável para auxiliar o empreendedor nas tomadas de decisão e, portanto, ele precisa ter uma capacidade analítica, além de uma visão estratégica sobre o negócio. Somente dessa forma ele conseguirá orientar com exatidão os gestores acerca das atitudes a serem tomadas.

Fora da empresa, o contador também é o principal consultor que tem autonomia para tentar solucionar problemas e responder pela organização junto aos órgãos públicos ou outros parceiros de negócio. E se hoje já é complicado para qualquer contador estar atualizado sobre todos os tributos e regras trabalhistas de maneira geral, imagina se ele não conhecer profundamente as regras que se aplicam somente sobre o seu mercado?

Devido à amplitude de nossa legislação, é cada vez mais comum encontrar profissionais de contabilidade ou até mesmo escritórios que optam em se especializar em um nicho e, dessa forma, conseguem se aprofundar nos detalhes da operação e atender melhor às expectativas das empresas.

Quando se trabalha com um nicho, é possível avaliar todo o processo, desempenho e as melhores práticas que outras empresas do ramo estão abordando para obterem sucesso. Explorar essa experiência que outras empresas tiveram com o mercado é um exercício muito eficaz para ajudar a aperfeiçoar os próprios métodos.

Além das empresas de nicho, outro modelo que tem suas particularidades quando o assunto envolve contabilidade é o modelo de SaaS (Software as a Service) que são empresas de tecnologia que oferecem serviços on-line e recebem pagamentos recorrentes. Esse modelo de empresa costuma operar no negativo por muito tempo e é importante que os contadores saibam como lidar com essa realidade.

Por fim, é fato que nem todo o mercado possui um contador especializado, mas, sempre que  possível, procure um que já tenha experiência com o seu modelo de negócio.

Quais as formas de comunicação e atendimento?

Terceirizar o serviço de contabilidade também é uma opção que pode ser muito favorável para o seu negócio. Afinal, como afirmamos, atualmente existem empresas especializadas em determinados nichos e contar com expertise desses profissionais pode contribuir como um bom atalho no caminho para o sucesso da sua empresa.

No entanto, é preciso estabelecer algumas regras para se ter eficácia. A comunicação entre o escritório de contabilidade e a sua empresa, por exemplo, é fundamental para manter as expectativas sempre bem alinhadas.

O escritório passa a ser um verdadeiro parceiro de sua organização, afinal, ele será o responsável por ajudar a minimizar os impostos, além de analisar o preço de vendas dos seus produtos ou serviços e se a margem de lucro corresponde aos objetivos que a empresa pretende alcançar.

Para que essa relação mantenha o nível de parceria e não se desgaste com o passar do tempo, é importante conhecer as regras de suporte que o escritório oferece aos seus clientes.

Saber quais são os prazos e a forma como o problema será resolvido, além de procurar entender se eles oferecem um atendimento automatizado é muito relevante, afinal a tecnologia costuma contribuir bastante quando o assunto é atendimento rápido e de qualidade.

Outro aspecto que deve ser levado em conta é a quantidade de canais disponíveis que você pode utilizar para contactar os profissionais de contabilidade. Um bom escritório certamente oferece canais de comunicação ágeis e que proporcionam um contato direto e instantâneo, como: skype, hangout, telefone, chat próprio ou até mesmo e-mail.

Antes de escolher um escritório que vai administrar toda a contabilidade da sua organização, assegure-se de que eles tenham capacidade de acompanhar o ritmo da sua empresa, especialmente quando o modelo do seu negócio proporciona um crescimento acelerado.

Como é o processo de trabalho? Quais os sistemas de gestão financeira/contábil são utilizados?

Contratar um contador ou um escritório de contabilidade pode viabilizar o crescimento rápido e sólido de uma empresa. Mas é importante estabelecer processos de trabalho, afinal, dentro da área contábil existem diversos procedimentos e atividades que precisam ser abordadas ou realizadas e, por serem muito específicas da área, os gestores das organizações nem tomam conhecimento de algumas delas.

Para que o processo seja eficaz, é importante delimitar todas as responsabilidades de cada uma das partes: empresa e escritório.

Se o escritório mantém todas as principais informações sobre o seu cliente mapeadas é muito fácil estabelecer um processo organizacional, além de demonstrar uma grande eficiência para a organização que sempre que precisar poderá acessar rapidamente informações e dados estratégicos sobre o seu negócio.

Acima de tudo, um bom contador precisa estar sempre apto a responder e apresentar todos os processos legais à empresa e preparado para discorrer sobre assuntos como leis trabalhistas, imposto de renda, mudanças na cobrança de tributos ou até mesmo cálculo de impostos.

É de suma importância que, neste momento, o contador possua uma capacidade analítica para sanar todas as dúvidas do empreendedor, além de orientar com clareza quais são as melhores opções que podem ser tomadas em determinados momentos, prezando sempre pela individualidade de sua organização.

Outro fator extremamente relevante para uma parceria duradoura, é o uso de ferramentas que auxiliam todo o processo financeiro. Aqui é importante notar se o contador ou o escritório já está familiarizado ao modelo de gestão adaptada pelo cliente.

Ferramentas para gestão financeira proporcionam um crescimento escalável dentro da organização, softwares de integração contábil costumam alavancar a capacidade de organização dos escritórios e, portanto, evita a perda de tempo em atividades do dia a dia, e ainda poupa esforços em um retrabalho desnecessário.

Por fim, vale dizer que no processo de trabalho entre contador e empreendedor, a chave para uma parceria de sucesso é manter sempre uma relação muito aberta e transparente.

Que tipo de operação ele atende (internacional, número de funcionários)? Com que tipo de sociedade e opção tributária ele tem mais familiaridade?

Realizar mudanças em qualquer área dentro de uma empresa, por si só, já é uma atividade desgastante, mas a troca de contabilidade é um dos processos mais difíceis para adaptação em uma organização.

Na hora de contratar um contador, procure aquele que já esteja dentro do perfil ideal para acompanhar sua empresa durante um bom tempo e em todos os estágios e objetivos que pretende atingir, como por exemplo: expansão para o mercado internacional, crescimento de equipe, aumento de fornecedores e parceiros, entre outros.

Apoie-se nos diferenciais que fazem do profissional um bom contador, como a quantidade de serviços executados no dia a dia, além da  possibilidade de desenvolver atividades extras que por ventura venham surgir durante o crescimento de sua empresa.

Outro fator que você deve levar em consideração em um profissional é a curiosidade e procura pelas inovações que o mercado oferece. Se ele está sempre buscando aperfeiçoar seus conhecimentos seja na área técnica ou trabalhista, e testando novas ferramentas que aparecem no mercado, é um bom sinal de que ele tem um perfil inovador e que pode contribuir muito trazendo novas ideias para sua empresa.

No entanto, o aspecto mais importante e que vai determinar o sucesso desse profissional dentro da sua organização é o quanto ele está alinhado com os objetivos que a sua empresa pretende atingir.

Quando se trata de um escritório de contabilidade, para compreender a qualidade desse alinhamento, fique atento aos valores cobrados por honorários, a tecnologia usada para facilitar o atendimento, quantos clientes eles atendem e qual é a quantidade destinada a cada colaborador e procure conhecer também o perfil desses clientes, até mesmo para saber se estão no mesmo ramo de atividade que a sua empresa atua.

Tenha em mente também que se deve verificar os tipos de sociedade e opção tributária que o contador contempla. Existem diferentes modelos de sociedade empresarial, como por exemplo: sociedade em nome coletivo, sociedade limitada, sociedade anônima, dentre outras. Mas o que o tipo de sociedade da sua empresa tem a ver com a contratação do seu contador? A resposta é: tudo!

Antes de contratar o contador ou escritório contábil que vai atender às demandas da sua organização, é preciso ter em mente quais são os seus objetivos a médio e longo prazo. Isso porque alguns profissionais não podem atender determinados modelos de sociedade, portanto, se a alteração do formato de sociedade está prevista no seu planejamento, procure contratar um escritório que já esteja familiarizado com o formato que vocês pretendem alcançar.

A mesma dica se aplica aos regimes tributários, ou seja, se a empresa prevê uma alteração no regime para os próximos anos, não faz sentido contratar um contador que não contemple esse formato tributário.

O ideal é buscar por um profissional completo, mesmo que custe um pouco mais, sendo possível estabelecer com ele uma relação duradoura e que não precise mudar tão logo.

Quanto tempo ele está no mercado? Quais os principais clientes?

Por fim, os últimos e importantes questionamentos que você precisa levantar na hora de contratar um contador.

Como mencionamos, em tempos de economia sensível é importante não errar durante uma contratação e, para que isso ocorra, foque em atrair pessoas ou empresas comprometidas em entregar o que se propõem.

Embora a contabilidade seja uma profissão que aborda assuntos críticos em uma organização, também é uma área que proporciona o crescimento da sua empresa, ajudando no corte de custos e evitando desperdícios de orçamento.

Busque por profissionais ou escritórios que já estejam há mais tempo no mercado e que possuam um histórico que pode facilmente ser acessado.

Os anos de experiência vão contribuir para criar a confiança necessária que você precisa depositar em seu contador. Afinal, vocês vão compartilhar informações sigilosas e por isso, é de extrema relevância que se sinta seguro e confortável ao falar com o seu profissional.

Não dispense a oportunidade de fazer uma visita ao escritório contábil e conhecer todos os ambientes para entender detalhadamente como funciona o trabalho que eles oferecem.

Outro fator determinante para garantir que você seja assertivo na escolha do fornecedor que vai representar a contabilidade de sua empresa, é saber quais são os principais clientes que eles atendem.

Conhecer outros clientes e descobrir qual é o nível de satisfação que eles alcançam com o escritório contábil vai fazer com que você reflita se realmente esses profissionais atendem as expectativas que a sua empresa possui.

Não tenha receio de colher feedbacks e recomendações de outros clientes. Afinal, a indicação profissional de outras empresas vai mostrar quão sério é o trabalho do contador que você pretende contratar.

Ainda tem dúvidas de como contratar um contador? Então, confira esses 4 passos para não errar na hora de contratar um bom contador.

Comentários