Você está satisfeito com o trabalho de seu contador? Consegue tirar suas dúvidas com ele e entender as respostas?

Atualmente, a contabilidade se tornou um dos setores mais estratégicos para se investir na empresa. Isso porque, além das habituais tarefas burocráticas – que envolvem o pagamento de tributos e a apresentação de demonstrações contábeis -, os profissionais da área também se tornam especialistas na elaboração de análises e projeções para a empresa. Por isso, é fundamental escolher a pessoa certa para a execução deste tipo de serviço.

Quando estas tarefas não são atendidas, é preciso agir rapidamente em busca de um novo fornecedor que solucione estas questões. Mas você sabe qual o momento certo para trocar de contador? Confira alguns cenários

Falta ou pouca disponibilidade do prestador de serviço

Uma empresa realiza transações diariamente, principalmente aquelas da área comercial. A variação patrimonial, nesses casos, costuma ser bastante intensa e, por isso, nada pior do que não ter um contador disponível quando há quaisquer tipos de dúvidas em relação a tributação. É importante considerar que a legislação está em constante transformação e que a contabilidade tem um papel decisivos nessas horas para garantir o melhor desempenho.

Falta de proatividade para conduzir a sua empresa às oportunidades

Como dito, atualmente o contador tem um papel que vai muito além da resolução de questões burocráticas. Um profissional que só reaja ao ambiente dificilmente conseguirá aproveitar as oportunidades disponibilizadas pelo governo, como linhas de crédito especiais, isenções fiscais e outros tipos de incentivos. É preciso que ele se mantenha constantemente informado e comunique as novas oportunidades encontradas, caso contrário, sua empresa certamente vai pagar mais impostos do que deve.

Desconhecimento técnico

O empreendedor tem que lidar com um Fisco cada vez mais informatizado e capaz de identificar erros e fraudes. Se houver desconhecimento técnico por parte da contabilidade da sua empresa, como no caso da utilização dos SPEDs, por exemplo, provavelmente ela enfrentará dificuldades para atender demandas e todas as demais exigências determinadas pela legislação. Se em algum momento sua empresa já foi multada por conta dessas irregularidades, definitivamente é o momento para trocar o contador.

Participação operacional junto à gestão

Para diferenciar um profissional qualificado dos demais, basta pedir a ele que realize simulações, principalmente com relação ao modelo tributário escolhido pela empresa. Levantar dados e realizar projeções também é papel do contador. Ele não deve ser apenas um mero executor de tarefas, mas deve trabalhar lado a lado dos gestores, participando de todo o planejamento estratégico e indicando possíveis caminhos a serem tomados.

Existem diversas empresas e profissionais extremamente qualificados na área da contabilidade. Cabe ao empresário fazer uma boa pesquisa e ir em busca de parceiros que tenham know-how e experiência na área. Se, além disso, ainda houver uma especialização por parte do setor contábil em relação ao seu segmento de negócios, certamente essa será a melhor escolha.

Se você identificou algum destes problemas, talvez seja hora de reavaliar e até mesmo trocar o seu contador!

Possui alguma dúvida se a conduta de seu fornecedor está adequada? Aproveite o nosso tira-dúvidas gratuito e esclareça-a agora mesmo.

Está abrindo sua startup agora? A Syhus disponibilizou gratuitamente o e-book Como Iniciar e Registrar sua Startup para download e ajudar no processo.

Cristiano Freitas
Equipe Syhus

 

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Comentários