As empresas estão, cada vez mais, aderindo ao trabalho de freelancers. Elas começaram a perceber os vários benefícios que esse tipo de contrato oferece. Afinal, estima-se que 20 milhões de pessoas devam sair do trabalho formal para se tornarem freelancers nos próximos cinco anos. Com isso, as empresas vão enfrentar uma queda de mão-de-obra talentosa e vão precisar reinventar a contratação.

Infelizmente, metade de todas as empresas ainda não está estruturalmente preparada para trazer freelancers às equipes. Os ambientes empresariais como um todo ainda permanecem com o pensamento tradicional de processo de contratação dificultando a entrada de novos métodos de trabalho.

O fundador da 10x Management, Rishon Blumberg, por exemplo, afirmou que achou chocante perceber que poucas companhias são equipadas com funcionários freelancers. “Algumas empresas parecem ter muita experiência ao contratar freelancer. Outras, porém, precisam que alguém segure a sua mão para ajudá-las com esse processo. E parte da nossa missão é ajudar a modernizar a maneira como as empresas trabalham com esses freelancers, especialmente em trabalhos estratégicos”.

Para acomodar esse novo mercado, as empresas precisam mudar a maneira como enxergam suas equipes, e colocar esses processos no lugar para fazê-los funcionar.

Por isso, aqui estão algumas dicas do que fazer para preparar o seu negócio para a chegada dos freelancers:

1. Tenha uma estratégia de recrutamento

Encontrar freelancers talentosos pode ser complicado. Para facilitar a tarefa, é precisa ter uma rede de contatos já pronta. Peça referências a colegas e use fóruns online para construir um grupo de freelancers que possam ficar à disposição para a suas necessidades.

Se você precisa de trabalhadores especializados com preços acessíveis, considere trabalhar com um especialista em encontrar freelancers que atendam a habilidades específicas. Também é importante separar alguns minutos para conversar com cada freelancer, cara-a-cara, antes de tomar a decisão de contratá-los. Esse passo vai te ajudar a evitar a contração de profissionais que não atendem a sua demanda.

2. Conheça o seu orçamento

O pagamento pode ser um ponto decisivo na hora de escolher trabalhadores freelancers. Muitos profissionais estabelecem um preço para cada projeto. Por isso, uma das perguntas a se fazer é em relação a valores.

Se o seu valor de oferta for muito baixo, você pode ter dificuldades em atrair talentos experientes. Mas se a sua oferta for muito alta, você vai ficar sem verba em pouco tempo.

A dica nesse sentido é calcular o quanto você pode pagar antes de começar a sua busca por profissionais. Se você perceber que não está conseguindo profissionais capacitados com o valor estabelecido, considere aumentar o preço – mas nunca saia do seu orçamento.

3. Contrate um gerente

Alguém da sua equipe vai precisar administrar o trabalho dos freelancers e isso pode ser difícil de ser feito de maneira remota. Coordenar um time online pode ser desafiador, por isso, é importante encontrar alguém que assuma essa responsabilidade.

Para um trabalho ideal, esse gerente precisar conhecer as tarefas dos trabalhadores freelancers da sua empresa – e isso nem sempre é possível, especialmente se a sua empresa necessita de trabalhos específicos como análise de dados e desenvolvimento de aplicativos.

4. Organize a papelada

Antes de começar a buscar por um freelancer, você precisa organizar a papelada que regulamenta o trabalho com os contratados. Certifique-se de que os trabalhadores que você vai contratar conheçam a extensão do trabalho que você precisa, assim como os métodos de trabalho que você deseja aplicar – de maneira documentada.

Para isso, você vai precisar de um contrato para cada freelancer e sempre acompanhar os processos de pagamento e de declaração de impostos advinda dessas contratações.

Se você tiver alguma dúvida quanto a isso, é interessante contratar os serviços de um contador para garantir que tudo funciona bem na sua companhia.

5. Escolha a tecnologia

Seus trabalhadores vão precisar de ferramentas para fazer suas tarefas e se comunicar com a equipe de gerência. É provável que você precise da colaboração de um software online que permita que essa equipe trabalhe em conjunto, independente de onde cada um estiver.

Você também vai precisar de uma ferramenta que possibilite o contato cara-a-cara com esses trabalhadores, especialmente se for impossível se encontrar
pessoalmente. Um serviço de vídeo conferência que integra diversos participantes é essencial quando você trabalhar com freelancers e funcionários assalariados que não estão no escritório.

E, por fim, pense nas ferramentas que você vai usar para pagar os freelancers e para colocar os recursos em ordem. Dessa maneira, você garante o pagamento em dia de sua equipe.

 

Os freelancers vão se tornar uma parte essencial do meio empresarial em breve. Se você pesquisar a fundo o que a sua empresa precisa para trabalhar legalmente com esse tipo de funcionário, você pode implementar uma nova maneira de contratação no seu ambiente de trabalho e pode sair na frente dos concorrentes.

Comentários