De Startups para Unicórnios: 5 estratégias rumo ao sucesso

Na América Latina, nenhum país chega perto da capacidade empreendedora que o Brasil possui. Segundo a plataforma Cortex Intelligence, somos o lar de 12 mil startups, e acumulamos mais da metade dos unicórnios da região; 24 de 45 dessas empresas têm nacionalidade brasileira. Podemos afirmar que o potencial que o Brasil tem para conquistar o ecossistema da inovação é imenso. E muitas startups estão empenhadas em alcançarem o status máximo de unicórnio, caracterizado por empreendimentos tecnológicos privados, avaliados em mais de U$ 1 bilhão. 

Porém, essa não é uma jornada que ocorre da noite para o dia. Neste artigo, vamos te explicar os caminhos que levaram um seleto grupo de startups a serem avaliadas como unicórnios e quais pontos requerem a atenção de CEOs que desejam levar seus negócios às alturas.

Como surgiu o termo “unicórnios”?

Em 2013, Aileen Lee, fundadora da Cowboy Ventures, cunhou o termo que entraria no gosto popular do universo empreendedor. Na época, ela definia aquelas poucas startups nos Estados Unidos que conseguiram atingir o valor de U$ 1 bilhão. Segundo a empreendedora, ela desejava encontrar uma palavra especial, que transmitisse a raridade dessas empresas no mercado, como se fossem “seres místicos”. Quando Aileen surgiu com os unicórnios, no artigo Welcome to the unicorn club: learning from billion-dollar startups, haviam apenas 39 deles no mundo; hoje, contabilizam mais de 1.200. A lista inclui gigantes como a SpaceX, OpenAI, SHEIN e Canva, além das brasileiras 99, C6 Bank, iFood, Loggi, Nubank, entre muitas outras. 

O caminho até U$ 1 bilhão

Startups unicórnios são empresas que conseguem ser avaliadas, ou seja, obter o valuation, de U$ 1 bilhão com capital fechado, antes de realizarem o Initial Public Offering (IPO). Essa avaliação é realizada pelos fundos que investem no negócio, os quais metrificam os processos da startup e os divulgam para o mercado financeiro. Por meio desses caminhos, a startup chega ao status de unicórnio. Confira aqui cinco estratégias identificadas nos negócios que se tornaram gigantes do empreendedorismo e inovação.

  1. Teste constante de hipótese de negócio

Esse é um método científico norteador para redução de incertezas, elaborado por Steve Blank, empreendedor do Vale do Silício e acadêmico especialista no ramo. O especialista entende que aqueles que desejam entrar de cabeça no mundo das startups não podem construir sem refletir sobre os princípios do negócio. Nesse contexto, é necessário desenhar uma hipótese e analisar se ela se confirma ou não. Com isso, o empreendedor tem os aprendizados necessários para entender se deve continuar no caminho ou mudar de rota, testando possibilidades, repetidas vezes. O objetivo do método é entender as dores do cliente, estar frente a frente com ele e aprender a receber críticas construtivas. Um exemplo disso é o YouTube, que, inicialmente, era uma rede social; após uma série de tentativas e hipóteses, tornou-se uma plataforma de vídeo, adaptada aos anseios do público.

Banner Infográfico A Jornada da Startup
  1. Novas abordagens de mercado

Não tenha medo de errar! Repensar todos os paradigmas e estar aberto às novidades pode mudar totalmente os rumos da sua startup – para melhor. É necessário ter rigor para buscar novas abordagens de negócios, mais científicas, e descobrir caminhos e atalhos favoráveis aos rumos que o CEO deseja que a startup trilhe. Seguindo essa lógica, é até saudável para o seu negócio que você entre no mundo com a cabeça de um amador; são essas pessoas que estão mais dispostas a buscarem soluções inovadoras e pensarem fora da caixa. O CEO da Uber, Travis Kalanick, nunca havia trabalhado com logística quando criou a empresa. Ele foi lá e ousou se aventurar no mercado. Mas, para isso, é necessário alinhar a criatividade empreendedora com a execução de um rigor científico.

Leia também: O Poder do Backoffice: entenda sua importância e faça sua startup decolar!

  1. Atrair talentos

É óbvio que formar o melhor time possível é sempre um caminho seguro para chegar ao êxito. Mas os unicórnios conseguiram atrair os melhores profissionais do mercado por meio de estratégias diferenciadas das que observamos, chegando até a serem disruptivas; são elas:

  • Construção da pessoa: priorizar aquelas pessoas que desejam construir a empresa, aquelas que realmente estão dispostas a enfrentar os desafios e transformar ideias em projetos concretos.
  • Atendimento ao cliente: montar um time que entenda a importância que um bom atendimento ao cliente faz para a startup. Estar junto das pessoas que lidam diariamente com o seu público alvo é fundamental para a cultura da empresa.
  • O protagonismo: esse ponto é sobre elevar, ao máximo, a importância que o colaborador possui, concedendo autonomia para que ele tome decisões, mas também tenha responsabilidade para arcar com suas escolhas. 
  • Benefícios: os unicórnios sabem como os benefícios que os trabalhadores recebem podem impulsionar o time. Porém, eles concedem diretamente os benefícios, mas, sim, dão um adicional de salário para que o colaborador tenha liberdade em escolher no que deseja investir.
  1. Tomar decisões rápidas e orientadas por dados contábeis

Tomar decisões orientadas por dados contábeis é como alinhar a intuição e criatividade a uma forma rápida, mas baseada em informações precisas. Esse é um dos grandes segredos dos unicórnios, a precisão e a clareza dos dados deram embasamento para que eles tomassem decisões e avaliassem a eficiência do negócio. Consequentemente, isso evita possíveis armadilhas financeiras e impulsiona novas formas de crescimento sustentável. O empreendedor deve aproveitar a evolução constante que a tecnologia traz para auxiliar o fluxo de caixa do negócio.

  1. Sonhar grande e sonhar pequeno dá o mesmo trabalho

Acredite na palavra de quem, há mais de 10 anos, está envolvido no ecossistema empreendedor e de inovação. Sonhar grande e sonhar pequeno dá o mesmo trabalho; por isso, trabalhe, se empenhe e acredite que é possível, sim, que a sua startup chegue aos status de unicórnio. Com uma ideia, um bom método, muita persistência e uma assessoria especializada nas questões financeiras, tributárias e administrativas do negócio, o empreendedor pode conquistar o mercado financeiro. Os unicórnios atuais chegaram onde estão porque ousaram sonhar grande, embora muitos nem imaginassem que entrariam nesse seleto grupo. 

Agora é com você

Agora que você sabe de todos os segredos que os unicórnios nunca revelaram sobre as estratégias para o sucesso da sua startup, está na hora de colocar a mão na massa. Aplique os cinco principais elementos que levaram pequenas empresas a conquistarem o topo do mercado. Na Syhus, cuidamos da contabilidade da sua startup para que você possa se concentrar em outras questões da sua empresa, como a atração de potenciais investimentos. Agende uma consultoria com um de nossos especialistas e descubra como nossos serviços podem auxiliar a sua startup a conquistar aquele grande sonho!

Comentários

Compartilhe esse conteúdo

Artigos Relacionados

Artigos mais recentes

A contabilidade ideal para a sua empresa

Fale hoje com a Syhus!

Converse com quem realmente entende as necessidades e dores das startups e
empresas de tecnologia.